A importância da escolha do rejunte para sua obra

Anteriormente falamos sobre por que escolher uma boa argamassa é tão Importante para sua obra

 Porém existe outro item essencial para a instalação de pisos e revestimentos que faz toda a diferença: o rejunte.

Vamos te explicar por quê!

Dois produtos que trabalham juntos

Esses dois materiais trabalham juntos, mas você sabe qual a função de cada um deles? A argamassa é utilizada para o assentamento do piso, e o rejunte vem depois, para preencher as juntas entre cada peça na superfície.Ele ajuda a formar uma base regular e disfarçar possíveis falhas de instalação.

Evite dores de cabeça no futuro

O rejunte é importante porque mantém os revestimentos vedados, protegendo contra a umidade, evitando a penetração de água e até impedindo que as peças descolem da argamassa. Esse material ainda proporciona um visual mais bonito ao revestimento.

Um bom rejunte vai oferecer muito mais qualidade, higiene e segurança para o seu revestimento, além de evitar problemas como, por exemplo, rachaduras ou o deslocamento das peças. 

 
banner-rejunte-flexivel-juntalider

Escolha o rejunte ideal

Existem três versões principais de rejunte, que servem tanto para ambientes externos quanto internos. É importante conhecer para analisar qual se adequa melhor à sua obra.

Rejunte cimentício: é o tipo mais em conta. Tem uma consistência áspera e oferece uma qualidade de acabamento menor. Pode ser encontrado em duas versões, uma específica para porcelanato e outra para cerâmica.

Rejunte acrílico: é fácil de aplicar, pois é comercializado pronto para uso e tem um acabamento superior. É indicado para pisos, revestimentos cerâmicos, pastilhas e porcelanatos.

Rejunte epóxi: demanda um cuidado maior na hora da aplicação. É mais caro, porém é mais resistente e proporciona um ótimo acabamento. Indicado para piscinas, porcelanatos, revestimentos cerâmicos e pisos.

Outro ponto importante é a espessura de aplicação do rejunte, que varia de 1 a 15mm. Para juntas menores é melhor usar o rejunte acrílico ou epóxi. Já os rejuntes cimentícios são mais espessos e recomendados para juntas maiores. Esse tipo é indicado, por exemplo, para edifícios recém-entregues.

Que tal receber novidades do blog e muito mais.

Assine o conteúdo e receba promoções, novidades do blog e muito mais

Cadastro com Sucesso Ops! Algo deu errado, tente novamente.
Assine o conteúdo e receba promoções, novidades do blog e muito mais.

Vamos te enviar os materiais do blog com conteúdo sobre comércio e do segmento da construção civil